Data: junio 18, 2015 | 19:02
Cerca de cinco mandados estariam sendo executados na fronteira com a Bolívia

Polícia Federal deflagra Operação Iaco e desarticula quadrilha no Acre

Dólares americanos apreendidos na casa de Bruceleide Alves de Lima, foram levados à sede de PF em Epitaciolândia. |  Foto: Alexandre Lima

Dólares americanos apreendidos na casa de Bruceleide Alves de Lima, foram levados à sede de PF em Epitaciolândia. | Foto: Alexandre Lima

© O Alto Acre

Agentes da Polícia Federal em vários estados do Brasil, deflagraram a ‘Operação Iaco’, onde teve como meta, executar vários mandados de prisão para desarticular uma quadrilha acusada de contrabando e tráfico de drogas no Acre.

Nas primeiras horas desta quinta-feira, dia 18, realizaram busca e apreensão e condução coerciva nas cidades de Cruzeiro do Sul, Feijó, Brasiléia, Epitaciolândia e Assis Brasil, além de Sena Madureira.

Delegado da PF, conduziu o acusado à sede para ser ouvido.  | Foto: Alexandre Lima

Delegado da PF, conduziu o acusado à sede para ser ouvido. | Foto: Alexandre Lima

Em Brasiléia, sob a coordenação do Delegado Marcelo, seus agentes cercaram uma residência no bairro José Braúna e detiveram Bruceleide Alves de Lima (33), foi detido e sua casa foi averiguada. Foi encontrado dentro de um bicho de pelúcia, cerca de $ 6200 dólares americanos em cédulas novas e um passaporte adulterado.

Segundo informações, já foram apreendidos no Acre, cerca de uma tonelada de drogas, duas armas (sendo uma metralhadora), além de munições e veículos também foram confiscados pela polícia. Munições e veículos também foram confiscados pela polícia.

Os suspeitos estariam sendo acusados de fazer parte de um grande esquema ilegal e por isso estariam sendo presos. Todos seriam interrogados e a PF confirmou que 50 mandados de busca: 20 de prisão, 10 de conduções coercitivas e 20 de busca e apreensão, apreensão e condução coercitiva estão sendo executados nos três estados. Ao todo, mais de 130 homens estão envolvidos na Operação Iaco. A Justiça autorizou o bloqueio dos bens e valores dos criminosos visando a desarticulação dos mesmos.

A denominação da operação é uma referência ao Rio Iaco cujas águas banham e margeiam as circunscrições dos municípios de Assis Brasil e Sena Madureira. Segundo a PF, trecho do rio é utilizado por traficantes como corredor para escoamento de consideráveis quantidades de droga.

coronavirus



sopa de mani



desastre total



Reporteros Sin Fronteras



CPJ



Knigth Center